0

Falar em público? Deu branco!

Você sabia que o maior medo humano é o de falar em público? Maior até que o medo da morte!!! Para saber mais leia a entrevista que o jornal “O Globo” fez com a especialista em oratória e expressão corporal, Glória Portella.

Divulgação

0

Entrevista com Nísia Teles para a revista DOC

Confira a entrevista que Nísia Teles concedeu a revista DOC após o lançamento do seu livro Atendimento Inovador em Saúde.

0

Conheça profundamente sua tribo

Muitas pessoas me abordam com perguntas sobre marketing com a expectativa de ouvirem uma solução fast food. “Você acha que seu fizer assim conquistarei mais clientes? O que é melhor: Facebook ou Instagram?”… Nessas horas o que procuro explicar é que não existe receita pronta… é preciso buscar o SEU caminho para contar a SUA história. O marketing é um organismo vivo e contínuo. Ele muda o tempo todo, porque as coisas e as pessoas mudam o tempo todo.

Arte: Markentista

Não faça o mesmo que muitos já fazem, não aceite as coisas como elas são. Pergunte, questione, provoque e descubra o seu jeito de contar a sua história.

Um mundo em mudança exige constante coleta de informações para assegurar a capacidade de atender às demandas do mercado e manter um relacionamento duradouro com o público-alvo. Atualmente, é quase impossível uma empresa vender tudo para todo mundo.Portanto, procure a sua tribo, defina o seu público-alvo.

O que você acha de começar a conhecer mais as pessoas? Entender o que as influenciam, o que faz o coração delas bater mais forte, como elas enxergam a vida, o que elas necessitam…

Para ajudá-lo nessa busca por respostas irei apresentar um projeto de pesquisa que admiro e acompanho: a Riologia.

A RIOLOGIA é um estudo contínuo, com o objetivo de trazer visões únicas sobre novos grupos de cariocas que surgiram ou se reinventaram dentro do contexto atual que a cidade vive. Com o foco totalmente nas pessoas, agência e pesquisa se uniram para entender melhor as manifestações, hábitos e pensamentos desses grupos, acompanhando-os em seus espaços. Eles entram em diferentes universos e pontos de vista de forma natural, trazendo insights diretamente de onde eles emergem. Abaixo os principais resultados das pesquisas.

Classe AC


Geração A


Filhos 2.0


Crianças F5


VPs do Lar

Independente Social Clube

Nísia Teles é empreendedora, educadora, consultora e fundadora do Markentista.

0

Entrevista com a coordenadora do projeto Caravana do Sorriso: Dra Cristiane Tavares

O blog Markentista entrevistou Dra Cristiane Tavares*, que é dentista e coordenadora do Projeto Caravana do Sorriso. Abaixo a entrevista na íntegra.

Fonte da imagem: Arquivo pessoal

Quando surgiu a ideia de fazer um trabalho voluntário na odontologia?

A ideia da Caravana do Sorriso foi trazida para o município do Rio de Janeiro por meu intermédio e do meu marido, Virgínio Oliveira, depois de conhecermos em 2012, um projeto semelhante que acontece na Bahia chamado Caravana da Saúde. A 1a edição que aconteceu em 2013, foi um projeto experimental chamado de Caravana da Saúde-RJ, para tal, convidamos um grupo de voluntários da Bahia e seus coordenadores, Roberto Becerra e a Dra. Ana Kolbe,  para juntos com voluntários cariocas, realizarmos a primeira Caravana no Rio de Janeiro, que contou também com atendimentos médicos além do atendimento odontológico, no mesmo modelo que acontece na Bahia há alguns anos. Após essa Caravana, decidimos que nosso foco seria em Odontologia, passando assim, a partir da 2a edição em 2014, a denominar-se, Caravana do Sorriso.

A “Caravana” não tem fins lucrativos, nem vinculação política ou religiosa, como vocês conseguem os recursos para a sua realização?

Tudo na Caravana é doado ou emprestado por parceiros e apoiadores. É importante destacar que de fato a Caravana do Sorriso não tem vínculo político partidário e nem religioso, e não possui ligação com ONGs, priorizamos comunidades carentes em regiões pacificadas, e absolutamente todos os serviços são 100% gratuitos, para tal, aceitamos todo tipo de doação, exceto dinheiro. Dessa forma contamos com mais de 60 parceiros, dentre empresários, sociedade civil, profissionais liberais, entidades do terceiro setor, além da coparticipação de órgãos do serviço público municipal, estadual e entidades federais, buscando uma ação coordenada em formato de mutirão para: “Fazer o Bem Sem Olhar a Quem !”. Leia mais…

0

Entrevista com Lusiane Borges

Nos dias 15 e 16 de novembro São Paulo será palco de mais um CIATESB Congresso Internacional de Auxiliares e Técnicos em Saúde Bucal. Encontro que foca na valorização e capacitação de equipes auxiliares.

Fonte da imagem: Divulgação

O blog Markentista entrevistou a presidente do congresso, Dra. Lusiane Borges, que nos contou um pouco sobre os preparativos, como definiu a grade científica e o que podemos esperar do evento.

MKT. Conta pra gente o que te motivou a criar um evento focado na equipe auxiliar?
Desde que iniciei os primeiros treinamentos e cursos de capacitação para o antigo ACD e THD, há quase 2 décadas, percebi uma enorme lacuna para a Equipe Auxiliar. Já nos anos 90 ainda era muito pequeno o espaço direcionado à atualização da Equipe Auxiliar. Quando havia esse espaço na grade científica, normalmente era direcionado à palestras de Biossegurança e, eventualmente atendimento ao cliente. Em 2008 e 2009, após a regulamentação das profissões ASB e TSB tive o prazer de participar da Comissão Organizadora da I e II Jornada para ASB e TSB realizadas em São Paulo pela ABCD. Foram eventos muitos bons, porém com opções ainda restritas. Fiquei muito incomodada por estarmos com as profissões já regulamentadas, mas poucos e restritos eventos ainda sem a infra-estrutura necessária para receber profissionais de todo o Brasil. A partir de então comecei a pensar junto à Equipe Biológica em algo mais amplo, abrangente. Daí surgiu o 1º CIATESB, em Outubro de 2011. Foi um grande sucesso de público. Além de nossas expectativas. Fizemos o 2º CIATESB em novembro de 2012 e muitos profissionais ficaram de fora. Deixaram de ir por conta da data. Lamentavelmente coincidiu com o ENEN 2012. Para esse ano, estamos aguardando os profissionais que já estarão pela 3ª vez no CIATESB e tantos outros que, por falta de acesso às redes sociais até então, ou outros motivos não participaram até então do CIATESB. Leia mais…

Página 1 de 3123