0

Um olhar positivo frente às dificuldades

A vida profissional nem sempre é um mundo fácil de se lidar, mas nem por isso precisa ser pensada como algo ameaçador. Os obstáculos e barreiras que enfrentamos neste universo podem e devem ser vividos de forma realista, madura e otimista.

Arte: Markentista

Problemas, dificuldades, medos e inseguranças estão presentes em todos ambientes de trabalho e em quase todas as relações profissionais. Isto sempre existirá e sempre será algo que pode fazer diferença no permanecer e crescer ou no não acontecer e desistir.

Quando tudo vai bem em seu trabalho não há motivos para ter uma visão pessimista ou angustiada, afinal tudo flui e acontece como esperado ou desejado. Entretanto quando as dificuldades aparecem e se impõem o que certamente vai fazer a diferença será nosso olhar positivo, otimista, determinado e – porque não dizer – leve de ver as coisas e resolvê-las.

A pessoa otimista enxerga os problemas e avalia a situação sem negligenciar as dificuldades. Saber de seus limites e encontrar soluções para avançar é sim uma postura assertiva e que pode determinar nosso sucesso ou fracasso. Nossa capacidade de lidar com imprevistos e obstáculos tem muito a ver com nossa visão de mundo, como fomos educados a enfrentar nossos medos e problemas e nossos recursos psíquicos que nos oferecem respostas criativas e objetivas às situações adversas que se apresentam em nossa vida.

Por isso respire fundo, deixe a mente fluir e atente-se para suas dificuldades com um olhar positivo e assertivo. Aceite que nem tudo podemos controlar e assegurar. As situações apresentam-se e é então que podemos dar os encaminhamentos necessários e possíveis. Saiba que prevenir problemas é diferente de antecipar problemas. Quando antecipamos problemas por conta de nossos medos acabamos por atrair mais dificuldades.Libere sua mente para encontrar soluções e saídas apenas quando necessárias, no mais solte-se para voar e criar oportunidades.

Vânia Vidal de Oliva é Psicóloga Clínica com 28 anos de experiência no atendimento de adolescentes, adultos e na orientação familiar. Atua hoje na Clínica Casa do Crescer na cidade de Curitiba. Colunista do site Mãezíssima, do blog da Clínica Base e do blog Markentista.

Deixe um comentário